Agenda

25.03.19
Entenda a Campanha da Fraternidade - Parte 01

POR QUE FRATERNIDADE E POLÍTICAS PÚBLICAS?

Por existir a necessidade de conscientizar os homens e mulheres, cristãos deste país, na construção de um BRASIL mais justo, com igualdade e eqüidade para todos.

É extremamente importante salientar a atuação estatal no contexto da sociedade brasileira e por isso devemos incentivar a participação de todos os Cristãos, que formam as comunidades de FÉ, a exercerem de forma protagonista os processos de organização e mobilização da sociedade civil e do estado, com propósito de fortalecer a formulação, implementação, acompanhamento e avaliação de políticas públicas que produzam oportunidades igualitárias e equânimes.

É necessária fiscalização e o enfrentamento das desigualdades sociais que vergonhosamente marcam e assolam o nosso país.

O envolvimento da sociedade civil brasileira deve estar fundamentado nos valores do evangelho e no controle das Políticas Públicas através da participação sistemática nos conselhos de direitos, audiências públicas, nos fóruns, nas pastorais sociais, nas associações de bairro, nos partidos políticos, nas escolas técnicas, acadêmicas, políticas e de FÉ.

Contudo, esse envolvimento, só é possível se o CRISTÃO, nesses espaços, for o SAL DA TERRA E A LUZ DO MUNDO, sempre considerando que o ponto de partida e o de chegada é JESUS CRISTO.

É obrigação de todo CRISTÃO participar na elaboração e concretização de ações que visem melhorar a vida de todas as pessoas.
FAZER OBRAS DE MISERICÓRDIA.

O reino de DEUS é de todos e para todos, logo a sua construção é dos CRISTÃOS e deve envolver todos os destinatários. Precisamos romper o preconceito de que POLÍTICA é coisa SUJA, e conscientizar os leigos e leigas de que ela é essencial para a TRANSFORMAÇÃO da SOCIEDADE.

voltar